Cautelosos, consumidores pesquisam preços nas lojas e compram à vista

A campanha promocional Black Friday realizada nesta sexta-feira (24) iniciou com consumidores que estão percorrendo vários locais antes de adquirir um produto no comércio central de Campo Grande. As orientações feitas pelos órgãos de proteção ao consumidor surtiram efeito na maioria das pessoas que aproveitaram o período matutino para garantir descontos exclusivos da liquidação e comparar os preços dos produtos.

Foi o que aconteceu com a dona de casa, Edneia da Silva, 56 anos, que percorria logo cedo a Rua 14 de Julho com vários panfletos na mão para escolher a melhor opção de geladeira nova. “Já fui em três lojas para ver os modelos e opções de pagamento, que realmente fazem a diferença nesse tipo de promoção. Os valores variam pouco, o que compensa é ter dinheiro para comprar”, opinou.

Um levantamento do Instituto de Pesquisa Fecomércio divulgou que a expectativa dos empresários da Capital é movimentar R$ 114 milhões em vendas durante a ação promocional. Para conseguir atingir a meta, o comércio investe em horário especial de funcionamento e descontos de até 84% em produtos e serviços.

A aposentada Tereza de Souza, 68 anos, aguardava as filhas em frente de uma das mais populares lojas de departamento, com muitas sacolas. Questionada se aproveitou os descontos, foi categórica: “Na verdade, os preços não estão muito menores não, mas, a opção de parcelamento sem juros em 10 vezes foi muito boa. Por isso aproveitei para comprar dois celulares e alguns brinquedos para meus netos”.

ANIMAÇÃO

Maria Carolina é gerente em uma loja de roupas femininas e conta que vale a pena iniciar o trabalho mais cedo durante a Black Friday. “Deixamos que a equipe escolhesse, e algumas preferem chegar meia hora mais cedo, enquanto outro grupo ficará 30 minutos a mais. Ainda não tivemos um pico com muitos clientes, mas tenho certeza que o faturamento será bom, pois os descontos estão realmente atrativos”, propagandeia.

O professor de Artes Visuais, Juliano Ferreira contou que aproveitou a passagem pela área central para comprar produtos de higiene pessoal e acabou seduzido com algumas ofertas. “Entrei na loja pra comprar um desodorante e acabei encontrando uma sanduicheira elétrica por R$ 29,90 e barras de chocolate por R$ 2,99. Conclusão, comprei mais do que o esperado, mas com um valor bem melhor do que o usual”, observa.

De segunda a sexta-feira, o atendimento ao público é realizado na Rua 13 de Junho, 930, no centro de Campo Grande, das 7h às 19h. O atendimento funcionará normalmente também na sede do Procon Estadual nesta sexta-feira. O telefone de contato é o (67) 3316-9800. O Procon conta ainda com o número 151, por meio do qual os consumidores podem esclarecer dúvidas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: