Mãe que saiu para bar é indiciada pela morte dos 3 filhos carbonizados em Rio Branco

RN7
0 0

A Polícia Civil concluiu o inquérito sobre a morte dos três irmãos carbonizados ocorrida no  dia 19 no bairro Portal da Amazônia, em Rio Branco. A mãe, Jociane Evangelista Monteiro, foi indiciada por abandono de incapaz, qualificado pela morte da vítima e pena aumentada porque foi cometido pela mãe contra os filhos.

Na noite do acidente, Jociane havia deixado os filhos sozinhos para ir a um bar. Enquanto as chamas consumiam a estrutura da casa, as crianças de 3 e 4 anos correram para baixo da cama na tentativa de se proteger e também se abraçaram, mas acabaram morrendo carbonizadas. Uma menina de 8 meses ficou deitada sobre o colchão e também morreu carbonizada.

Presa, Jociane foi levada à Delegacia de Flagrantes (Defla), na capital, mas acabou liberada após audiência de custódia. A polícia diz ter ouvido cerca de dez pessoas sobre o caso, entre familiares, vizinhos e testemunhas.

Na época, em entrevista ao ContilNet, o delegado de Polícia Civil Yvens Dixon, disse que Jociane Evangelista Monteiro, poderá pegar mais de 30 anos de prisão.

“A pena prevista é de 4 a 12 anos, mas no caso dela tem um agravante, por ser a mãe das crianças, e pode chegar a 15 anos e, por ter sido três vítimas, pode passar dos 30”, declarou.

ContilNet

Happy
Happy
0 %
Sad
Sad
0 %
Excited
Excited
0 %
Sleepy
Sleepy
0 %
Angry
Angry
0 %
Surprise
Surprise
0 %

Average Rating

5 Star
0%
4 Star
0%
3 Star
0%
2 Star
0%
1 Star
0%

Deixe uma resposta

Next Post

Idosa é lançada ao para-brisa de carro e sofre traumatismo após motorista invadir pista e colidir com caminhão

Uma mulher de 70 anos foi lançada ao para-brisa e teve graves cortes na cabeça após acidente envolvendo um carro e caminhão na MS-306, perto da altura do Km-163, sentido Cassilândia – Chapadão do Sul. O fato ocorreu na noite desse domingo (27). Segundo informações do Corpo de Bombeiros do […]