Águia Negra bate Aquidauanense e conquista o sul-mato-grossense pelo segundo ano consecutivo

RN7
0 0

O Águia Negra venceu o Aquidauanense por 1 a 0, na noite desta quarta-feira (23), no estádio Noroeste, em Aquidauana, e conquistou o campeonato sul-mato-grossense de 2020. O gol foi marcado pelo lateral direito Virgulino. O título é o segundo consecutivo conquistado pela equipe de Rio Brilhante em cima do Azulão e o quarto da história do Águia, que se tornou o maior campeão estadual do interior de Mato Grosso do Sul.

O jogo

Aos 2 minutos, Filipe recebeu ótimo passe de Kareca e chutou cruzado. Jota fez bela defesa com o pé direito. Aos 8, a resposta do Aquidauanense. Agnaldo fez boa jogada e deu lançamento primoroso para Leo Mineiro, mas o atacante parou em Tafine.

Aos 10, um dos momentos de preocupação do jogo. O lateral esquerdo Fabiano, do Águia Negra, caiu em cima do braço após uma disputa de bola pelo alto. Uma ambulância foi chamada para o atendimento e levou o jogador a um hospital de Aquidauana, onde ele recebeu os atendimentos. Ele saiu consciente, mas com muitas dores. A partida ficou paralisada por cerca de 6 minutos.

Tafine ainda foi obrigado a trabalhar por duas vezes entre os 20 e 27 minutos, em bolas paradas que levaram susto a meta do Águia Negra. O Águia continuava com a posse de bola, buscando mais tomar as ações da partida. O Aquidauanense, porém, era mais perigoso nos contra ataques. A presença do Águia no campo de ataque foi efetiva aos 42 do segundo tempo, quando, em cobrança de escanteio, Filipe colocou a bola na cabeça de Virgulino, que abriu o placar para o time rubro negro.

A situação que já tinha ficado ruim para o Azulão piorou logo depois do gol sofrido, quando o time perdeu Keverson, que saiu machucado.

Segundo tempo

O Águia Negra voltou com o atacante Preto no lugar de Kareca. Logo aos dois minutos, Agnaldo saiu jogando mal e o Águia quase marcou o segundo gol. O Águia dominava as ações e levava perigo nos contra ataques. Em um deles, Pedro ficou a centímetros de aumentar o marcador para os visitantes.

Aos 20 minutos, outra lesão preocupou a todos em Aquidauana. O goleiro Jota, da equipe de casa, levou a pior após uma disputa de bola com o meia Mario Lúcio, do Águia. Ele foi atendido pela ambulância, mas permaneceu em campo mesmo com o olho esquerdo parcialmente fechado pela pancada.

Na segunda metade do segundo tempo, o Azulão cresceu no jogo e criou oportunidades para o empate. Aos 35, Jhonatan fez dura falta em Leo Mineiro e recebeu o segundo cartão amarelo, deixando o Águia com um a menos. A pressão do Aquidauanense, que já era intensa, cresceu ainda mais. Aos 42, Clayton pegou um bonito chute de fora da área e obrigou Tafine a salvar o Águia.

Já aos 45 da segunda etapa, Filipe saiu cara a cara com Jota, mas tocou para fora a chance de matar o jogo. Logo depois, Jô arriscou de fora para nova boa defesa de Tafine. Nervoso, o Aquidauanense não conseguiu criar muito perigo nos últimos instantes do jogo. Ao final, 1 a 0 para o Águia Negra, com direito a títulos consecutivos em cima do mesmo adversário.

Águia Negra foi melhor no jogo da volta e conquistou o campeonato estadual de 2020 — Foto: TV Morena/Reprodução
Águia Negra foi melhor no jogo da volta e conquistou o campeonato estadual de 2020 — Foto: TV Morena/Reprodução

TV Morena

Happy
Happy
0 %
Sad
Sad
0 %
Excited
Excited
0 %
Sleepy
Sleepy
0 %
Angry
Angry
0 %
Surprise
Surprise
0 %

Average Rating

5 Star
0%
4 Star
0%
3 Star
0%
2 Star
0%
1 Star
0%

Deixe uma resposta

Next Post

Foragido da justiça é preso em Santa Rosa e levado para Feijó pelo CIOPAER

Um homem acusado de tentativa de homicídio e que era foragido da justiça estadual foi preso pela Polícia Civil em Santa Rosa do Purus no início da semana. Havia contra A.B.S.F um mandado de prisão cumprido por agente da PC durante um operação na região. O homem tentou matar um […]