Forças de Segurança mostram em ação simulada poder de fogo e reação para enfrentar o novo cangaço

RN7
0 0

Na madrugada deste sábado (19), equipes de todas as Forças de Segurança Pública do Acre realizaram um exercicio simulado de roubo a empresa de valores para atestar o poder de reação do estado frente a uma investida criminosa conhecida como “novo cangaço”.A ação aconteceu no distrito industrial, tendo como alvo a empresa VIP Segurança. Bombeiros, Polícia Militar, IAPEN, Polícia Civil e Instituto Sócio Educativo atuaram de forma sincronizada e ordenada, mostrando o poder de força do estado.

A PRF, PF, EXÉRCITO, DETRAN e Rbtrans também participaram da simulação que começou por volta da meia noite. Foram simulados cenários reais de um ataque criminoso, com incêndio a veículos para obstruir ruas, invasão a sede da empresa, tomada de reféns, negociação, fuga e prisão dos acusados. O Corpo de Bombeiros precisou conter três incêndios em via pública, usando mais de 5 mil litros de água. Um dos momentos tensos envolveu o Grupo de Bombas e Explosivos da Polícia Federal, que detonou uma bomba “fake” na cena do crime.

Apesar de toda tensão, nenhum imprevisto aconteceu, garantindo a integridade física dos envolvidos na simulação.

Tiro letal e preciso em alvo

Depois da equipe de elite da PF,Atiradores de elite do BOPE entraram em ação neutralizando criminosos. O franco atirador do Batalhão de Operações Especiais acertou dois tiros com uma precisão cirúrgica, acertando o alvo a uma distância de cento e vinte metros, com visão reduzida por causa da escuridão. No amanhecer do dia o helicóptero HARPIA 04 do Centro Integrado de Operações Aéreas (CIOPAER), fez o transporte de uma equipe da Companhia de Operações Especiais (COE) do local da invasão até um suposto ponto onde estava o grupo.

Secretário destaca trabalho integrado das Forças

O simulado foi coordenado pelo Tenente Coronel Giovani Galvão, especialista em gerenciamento de crise com apoio do coronel Ataualpa Ribeira, coordenador de operações da PM e contou ainda com a participação do presidente do ISE< coronel Paulo Cézar, do presidente do IAPEN, Arlenilson Cunha e do Secretário de Segurança Pública, Paulo Cézar dos Santos, que acompanhou o encerramento do exercício as 5h da manhã.
“Essa ação integrada mostrou que temos potencial para encarar uma situação semelhante e acima de tudo, provou que o trabalho integrado fortalece a segurança pública. Quero agradecer e parabenizar a cada um dos senhores que se doaram para que essa ação ocorresse e dizer que no ano que vem, teremos grandes investimentos do Governo na Segurança Pública do Acre”, garantiu.

O coordenador do treinamento, TC Giovani Galvão avaliou como positivo o resultado e fez questão de salientar que apesar das limitações operacionais, ao empenho da tropa deixou claro que o material humano é um dos grandes trunfos da Segurança Pública no estado. “Vimos aqui um trabalho integrado que resultou em uma ação precisa, coesa e forte. A interoperalidade é o caminho que precisamos seguir daqui pra frente. Assim vamos fortalecendo um ao outro e juntos nos especializando para encarar o crime organizado e garantir a paz que a sociedade sempre almeja”, pontua.

Happy
Happy
0 %
Sad
Sad
0 %
Excited
Excited
0 %
Sleepy
Sleepy
0 %
Angry
Angry
0 %
Surprise
Surprise
0 %

Average Rating

5 Star
0%
4 Star
0%
3 Star
0%
2 Star
0%
1 Star
0%

Deixe uma resposta

Next Post

Idosos com Covid-19 são isolados em sala com paciente morto no AM; 'Olha o absurdo', diz familiar

Idosos diagnosticados com Covid-19 foram isolados em uma sala de um hospital de Manaus junto do corpo de um paciente – retirado só depois de 13 horas. O caso foi registrado nesta sexta-feira (18), no Hospital João Lúcio, Zona Leste da capital. “Olha o absurdo onde colocaram o meu pai […]