Presa por racismo é esposa de presidente do PSL, tem filha em gabinete de Soraya

RN7
0 0

Marisa Pereira de Oliveira, 50 anos, presa por suspeita de racismo, na terça-feira (15), em Campo Grande, é esposa do presidente do PSL de Campo Grande, Paulo de Mattos Pinheiro. A filha dele tem um cargo no gabinete da senadora Soraya Thronicke, também do PSL.

Informações vindas de anônimos e confirmadas pelo TopMídiaNews mostram que a filha de Mattos recebe R$ 5.735 como auxiliar parlamentar da senadora.

Paulo é sócio junto da esposa em uma loja de embalagens na avenida Coronel Antonino. Foi lá que o suposto crime de racismo ocorreu, onde ela teria ordenado um entregador a não entrar no estabelecimento.

“Quem manda aqui sou eu, você vai fazer o serviço do jeito que eu quiser e na minha loja você não entra, seu preto”.

O denunciante acionou a Polícia Militar e levou os dois envolvidos para a delegacia. Para detalhes do caso, clique aqui. 

Top Midia News

Happy
Happy
0 %
Sad
Sad
0 %
Excited
Excited
0 %
Sleepy
Sleepy
0 %
Angry
Angry
0 %
Surprise
Surprise
0 %

Average Rating

5 Star
0%
4 Star
0%
3 Star
0%
2 Star
0%
1 Star
0%

Deixe uma resposta

Next Post

Força feminina e sangue novo na próxima legislatura em Rio Negro – MS

Professora Neuza (PSD) como é mais conhecida, vem de raízes quilombola, segundo ela sempre trabalhou desde pequena. Dizer a nossa reportagem que vai valorizar em seu mandato o que sempre aprendeu em casa “Honestidade e trabalho”. “Foi o que meus pais e família sempre me passaram” Finalizou em um rápido […]