Em situação de emergência devido à Covid-19, prefeitura de Rio Branco não pensa em reabertura do comércio

RN7
0 0

A prefeita de Rio Branco, Socorro Neri, ainda não pensa em reabrir o comércio do município durante a pandemia do novo coranavírus. Em entrevista à Rede Amazônica Acre nesta segunda-feira (22), a prefeita explicou que o município está na fase vermelha dos casos de Covid-19 e não apresenta condições de retorno das atividades não essenciais.

O boletim da Secretaria de Saúde do Acre (Sesacre), desta segunda mostrou que a capital acreana tem 6.052 mil casos de Covid-19 confirmados. Em todo estado são mais de 11,5 mil casos da doença.

O número de mortes no Acre chegou a 305 também nesta segunda. Já o número de curados passa dos 6,2 mil.

O decreto que suspende as atividades não essenciais em Rio Branco é válido até o próximo dia 30. Ainda na entrevista, Socorro comentou sobre o plano de medidas do governo do Acre para reabertura gradual do comércio no estado.

“Pela simulação feita com minha equipe, o município de Rio Branco se encontra ainda na fase mais grave e mais crítica, a fase vermelha, que é da emergência. Não podemos, na fase mais crítica falar em abertura do que não está autorizado pelo decreto vigente até hoje. A situação, até hoje, do que está autorizado a funcionar se manter na fase mais crítica e somente na medida em que os indicadores forem mostrando índices mais favoráveis é que teremos ou não condições de passar para a fase laranja, a de alerta, depois a amarela até chegar na verde. Portanto, temos ainda um processo a percorrer de melhoria das condições de saúde, de leitos, de UTIs e isolamento social”, frisou.

Happy
Happy
0 %
Sad
Sad
0 %
Excited
Excited
0 %
Sleepy
Sleepy
0 %
Angry
Angry
0 %
Surprise
Surprise
0 %

Average Rating

5 Star
0%
4 Star
0%
3 Star
0%
2 Star
0%
1 Star
0%

Deixe uma resposta

Next Post

Ipixuna confirma seis primeiros casos de Covid-19 e prefeitura decreta suspensão de atividades não essenciais

A Prefeitura de Ipixuna, distante 1,3 mil quilômetros de Manaus, decretou a suspensão total de atividades não essenciais na cidade a partir desta terça-feira (23). A medida visa evitar a disseminação do novo coronavírus na cidade, que teve os seis primeiros casos confirmados no sábado (20), de acordo com a prefeitura. […]