Ministério da Saúde reconhece três casos suspeitos do novo coronavírus no Acre

RN7

O Ministério da Saúde reconheceu nesta segunda-feira (9) três casos suspeitos do novo coronavírus no Acre. Os pacientes são dois moradores de Brasileia e uma mulher de Cruzeiro do Sul, cidades do interior do Acre.

Casos só são oficialmente reconhecidos como suspeitos após confirmação do Ministério da Saúde.

No sábado (7), a Secretaria de Saúde do Estado (Sesacre) informou que investigava o caso de um morador da capital acreana, Rio Branco, e das duas pessoas de Brasileia. No domingo (8), a Sesacre divulgou que exames feitos no morador de Rio Branco deram negativo para a doença.

No mesmo dia também foi anunciado, pela Sesacre, que havia um quarto caso em investigação, o da moradora de Cruzeiro do Sul.

“Eram quatro, um foi descartado. Esse outro caso é de Cruzeiro do Sul. Aguardamos ainda os primeiros exames feitos, só saiu o resultado de um. Esperamos em 24 ou 48 horas esses resultados”, explicou o infectologista Thor Dantas.

Os pacientes chegaram dos Estados Unidos e Europa recentemente. Foram coletadas amostras dos pacientes e enviadas ao Laboratório Rodolphe Mérieux, que fica na Fundação Hospitalar do Acre (Fundhacre), em Rio Branco.

O infectologista acrescentou que os três pacientes estão em quarentena em casa, com acompanhamento da Vigilância Epidemiológica do estado. “Estão bem, sem sintoma de gravidade e em casa, como é o recomendado quando não há sinal de gravidade. Na maioria das vezes é um resfriado comum”, ressaltou.

Casos no Brasil

Ministério da Saúde divulgou nesta segunda-feira (9) seu mais recente balanço sobre os casos do novo coronavírus (Sars-Cov-2). O vírus é o responsável pela epidemia da doença batizada de Covid-19. Os números apontam:

  • 930 casos suspeitos, eram 663 casos suspeitos no domingo (9), um aumento de 40%
  • 25 casos confirmados, mesmo número do levantamento anterior
  • 685 descartados

Entre os 25 confirmados, quatro pacientes estão hospitalizados. O ministério apontou que três pacientes têm hipertensão, um tem diabetes e um, doença pulmonar.

Treinamento

Técnicos e condutores de ambulância do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) do Acre iniciaram, no último dia 27, a capacitação sobre o coronavírus. A capacitação iniciou um dia depois que o Brasil confirmou o primeiro caso da doença no país.

No dia 27 de janeiro, a Sesacre anunciou que um plano de prevenção e resposta rápida foi montado para atuar, caso ocorram suspeitas de coronavírus no estado do Acre. O Pronto-Socorro de Rio Branco foi destacado como a unidade de saúde do Acre referência em caso de suspeitas do coronavírus. O Brasil ainda não tem nenhum caso confirmado da doença, mas investiga 12 casos suspeitos.

Coronavírus: recomendação é lavar as mãos e evitar beijo no rosto

Como evitar o contágio

  • Cobrir a boca e nariz ao tossir ou espirrar;
  • Utilizar lenço descartável para higiene nasal;
  • Evitar tocar mucosas de olhos, nariz e boca;
  • Não compartilhar objetos de uso pessoal;
  • Limpar regularmente o ambiente e mantê-lo ventilado;
  • Lavar as mãos por pelo menos 20 segundos com água e sabão ou usar antisséptico de mãos à base de álcool;
  • Deslocamentos não devem ser realizados enquanto a pessoa estiver doente;
  • Quem for viajar aos locais com circulação do vírus deve evitar contato com pessoas doentes, animais (vivos ou mortos), e a circulação em mercados de animais e seus produtos.
G1 – AC
1 0
Happy
Happy
0 %
Sad
Sad
0 %
Excited
Excited
0 %
Sleppy
Sleppy
0 %
Angry
Angry
0 %
Surprise
Surprise
0 %

Deixe uma resposta

Next Post

Igrejas italianas suspendem os cultos, mas convocam os cristãos a enfrentar o coronavírus

A Itália se tornou o […]