Venezuela pede ao Brasil extradição de militares acusados de atacar quartel

RN7

A Procuradoria-Geral da Venezuela pediu nesta quinta-feira ao Brasil que extradite cinco ex-integrantes da Força Armada Nacional Bolivariana (FANB) que pediram refúgio ao governo de Jair Bolsonaro e que teriam participado de um ataque a um quartel militar perto da fronteira no último dia 22 de dezembro.

A informação foi divulgada no Twitter pelo procurador-geral da Venezuela, Tarek William Saab. Na rede social, ele publicou uma carta enviada ao procurador-geral da República, Augusto Arias, em que pede ao Brasil para “iniciar os trâmites necessários” para “pôr à disposição” da Venezuela os cinco ex-militares.

EFE

0 0
Happy
Happy
0 %
Sad
Sad
0 %
Excited
Excited
0 %
Sleppy
Sleppy
0 %
Angry
Angry
0 %
Surprise
Surprise
0 %

Deixe uma resposta

Next Post

Supremo decide que lei estadual não pode criar exigências para telefônicas

Por maioria de votos, […]