Ao som de ‘Tropa de Elite’, apoiadores de Bolsonaro se concentram na Afonso Pena

Centenas de eleitores pró-Jair Bolsonaro, candidato à Presidência pelo PSL, já se concentram nos altos da Avenida Afonso Pena, no Jardim dos Estado, região central de Campo Grande. O trânsito na altura do Shopping Campo Grande já está congestionado e a maioria dos presentes curte um trio elétrico. A música mais tocada é ‘Tropa de Elite’, da banda paulista Tihuana, que batizou o filme homônimo do diretor José Padilha, de 2007, que tem como tema a rotina de policiuais militares do Batalhão de Operações Especiais (Bope) do Rio de Janeiro.

Cerca de 5 mil pessoas, segundo a Polícia Militar já ocupam os altos da principal avenida de Campo Grande neste momento.

Bolsonaro fez durante a semana dois atos de campanha com os PMs do Bope. Em uma delas, em visitas à sede do Batalhão, na última segunda-feira (15), disse que agora “um de nós estará no poder”. Padilha, por sua vez, disse que não apoia nem o candidato do PSL e seu adversário no segundo turno, Fernando Haddad (PT).

“O Brasil não aguenta mais o domínio da esquerda, o povo se cansou. Eles só trouxeram mentiras e hoje temos 14 mil desempregados”, disse o pecuarista Renato Merem, 65 anos, um dos organizadores da carreata. “A democracia tem de ser estabelecida contra o comunismo.”

Segundo Merem, apesar do movimento estar marcado para às 15h, a organização decidiu esperar afim de que o forte sol da tarde deste domingo (21) dê uma amenizada. Na última carreta favorável a Bolsonaro, no dia 30 de setembro, também houve atraso.

Responsabilizado pela demora no início da manifestação, o calor, contudo, pode ser um aliado na avaliação de Merem, visto que dessa forma a promessa é de um número maior que os cerca de 25 mil veículos, segundo números da Polícia Militar, que participaram da última carreata.

Com a presença de um trio apoiando os bolsonaristas, o perfil dos participantes da última carreata é semelhante, inclusive de quem nada tem a ver com ela mas aproveita para faturar: grupos de vendedores ambulantes também festejaram o calor para acabar de vez com o estoque de água e refrigerante que sobrou da manhã, quando ficaram em seus pontos nos arredores do Parque das Nações.

Todos os candidatos pelo PSL do Estado que se elegeram, para deputado estadual ou federal, entre eles Capitão Contar, campeão histórico de votos, estão presentes.

E claro, as provocações aos rivais petistas aconteceram. Alguns dos presentes puxeram um grito de “eu vim de graça”, em alusão à denúncia de caixa dois promovisda por empresários que apoiam Bolsonaro.

Correio do Estado

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

%d blogueiros gostam disto: