Inativos da PM sofrem cortes em gratificação de até R$ 651

Inativos da Polícia Militar do Acre que recebem como 2º tenente e até coronel tiveram reajuste menor que o anunciado pelo Governo do Estado, informou a Associação dos Militares do Acre.

As associações militares estiveram buscando o diagnóstico e a resolução do problema do valor bruto, a menor no contracheque dos inativos de julho de 2018, e constatou que houve redução de até R$ 651 no contracheque dos inativos.

Um erro na lei de 2017, que trata sobre a incorporação da etapa de alimentação na gratificação operacional, teria sido a razão do corte.
Para garantir a remuneração será necessário o encaminhamento da lei com correções.

A Associação dos Militares informou que vai aguardar um posicionamento do Acreprevidência e se não houver correção a categoria realizará assembleia geral extraordinária na frente da sede do órgão para deliberações de ações junto aos militares ativos e inativos.

Resposta do governo

Na tarde desta quinta-feira, 26, governo informou que, após uma em reunião entre o comando da Polícia Militar e o representante do Acreprevidência, foi sanada a questão do valor que deixou de ser pago em julho.

“Em agosto será creditado e a parcela de julho será paga em 4 vezes. Reiterando que não haverá perda aos militares inativos”, informou a assessoria do governo do Acre.

AC24HORAS

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.