Após 5 anos, Comando da Polícia volta a comprar fardas para seu efetivo

As cenas de policiais militares trabalhando nas ruas usando calças jeans, tênis e blusas comuns, identificados apenas pelo colete balístico, estão com os dias contados. Em edital publicado na edição desta quarta-feira (4) do “Diário Oficial”, o comando da Polícia Militar anunciou contrato com empresa de Cuiabá (MT) que fornecerá o fardamento para a tropa.

Ao todo foram gastos R$ 500 mil com a compra das fardas, que era uma das principais reinvindicações da categoria. Há pelo menos cinco anos os policiais precisavam tirar dinheiro do próprio bolso para não trabalharem descaracterizados. Após a homologação do contrato, a empresa tem até 60 dias para fazer a entrega.

Ao se analisar as quantidades compradas, nota-se que será apenas um uniforme para cada policial, conforme é exigido por lei. Em maior número adquirido foram os chamados “gandolões”, camisas cáquis de manga longa, e as calças para os trabalhos ostensivos; juntas, estas duas compras somam R$ 430 mil. A Polícia Militar tem hoje me seu efetivo ativo 2,5 mil policiais.

AC24HORAS

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.